O casal suspeito de envolvimento em um roubo de joias no valor de quase R$ 350 mil, em uma cidade do Sudoeste da Bahia, foi preso no fim da tarde de terça-feira (10) na BR-101, a dois quilômetros do centro de Eunápolis.

O homem e a mulher, de 40 e 29 anos, estavam em uma caminhonete Hilux – que pode ter sido utilizada no assalto -, e ainda tentaram escapar de uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal. Com eles, foram apreendidas muitas joias, relógios, óculos, carregadores de pistola, cartão de crédito de terceiros e pequena quantidade de maconha.

As joias, segundo a polícia, foram reconhecidas pela proprietária de uma joalheria assaltada por um bandido armado há quase um mês no município de Brumado. A prisão e apreensão dos produtos também foram comunicadas à delegacia de Brumado, onde está instaurado o inquérito que investiga o roubo.

Os suspeitos, que são das cidades de Vitória da Conquista e Bom Jesus da Lapa, no Sudoeste baiano, estão custodiados na carceragem da Delegacia Territorial de Eunápolis.

MOTORISTA TENTOU ENGOLIR DOCUMENTOS – Durante a abordagem, o motorista da caminhonete tirou uma carteira de identidade do bolso e tentou engoli-la, mas foi impedido, depois de entrar em luta corporal com os policiais. O documento, de acordo com os agentes, era falso. Ainda segundo a PRF, o homem também tentou comer um papel com uma relação de armas, coletes à prova de bala e toucas.